Cruyff Court Ermelino Matarazzo: uma década de transformação de vidas por meio do esporte

Em 2020, o Cruyff Court Ermelino Matarazzo completa uma década de transformação social. Com mais de quatro mil crianças e adolescentes atendidos ao longo destes anos, o projeto passou por diversos desafios e conquistas, como o Prêmio Cruyff Court do Ano, recebido em 2012 pelas próprias mãos de Johan Cruijff, devido ao bom desempenho e a inovação em atividades sociais propostas.

E é a inovação e também a sua capacidade de se renovar que tornam o Cruyff Court Ermelino Matarazzo tão especial. Em 2019, frente a desafios financeiros e organizacionais, o projeto passou por uma grande reestruturação, pausando suas atividades por quatro meses em quadra para uma extensa reavaliação da aplicação de sua metodologia. Metodologia esta que chama a atenção por sua qualidade e potencial de estimular a transformação de vidas por meio do esporte.

O workshop Futebol Social, oferecido por profissionais do projeto no Sesc São Paulo, no ano passado, abordou esta metodologia própria à profissionais de Educação Física e pessoas interessadas na prática da transformação social por meio do esporte.

Em 2019, o projeto contou com o patrocínio da empresa Akzo Nobel via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, até o dia 5 de abril de 2019 e uma contribuição da Arcadis, importante para a continuação das atividades no segundo semestre. Ambos são parceiros que durante anos tem contribuído com a promoção das atividades no Cruyff Court.

A partir da estruturação da metodologia do projeto, realizado pelos profissionais do Cruyff Court, o planejamento foi testado em diferentes momentos. Em especial, no segundo semestre de 2019 com o Torneio Cruyff Court Ermelino Matarazzo que utilizou as 14 regras propostas por Johan Cruijff para realizar a competição. E ao final de 2019, com o Heroes of the Cruyff Court, evento anual que propõe a uma equipe de jovens participantes do projeto a realização de um torneio 6vs6 e outras ações educativas paralelas.

Esta ação, desenhada pela Fundação Cruyff, tem o objetivo de estimular os jovens a serem protagonistas de uma ação social visando o bem-estar da comunidade local, envolvendo-os em projetos de longo prazo na condição de líderes comunitários. Ao organizar o Heroes, os jovens têm a oportunidade de descobrir e desenvolver seus talentos. Na edição de 2019, representantes da La League – projeto social de empoderamento de meninas, desenvolvido pela Plan International em parceria com Women Win e a Fundação Cruyff, estiveram presentes para prestigiar o trabalho dos jovens, que foi muito elogiado por sua qualidade, comprometimento e poder de transformação social.

Vale lembrar que esta transformação na vida dos alunos foi tema de uma série de vídeos-depoimentos na campanha Cruyff Court Transforma. Neles, jovens e suas famílias relatam de que forma o projeto trouxe novas perspectivas à suas realidades de forma concreta e emocionante.

Com as energias renovadas a partir da reestruturação do projeto que contou, inclusive, com a participação voluntária de professores, e a chegada de novos patrocinadores para 2020 como Owens-Illinois, Instituto Tiago Camilo e MN Tecidos, o Cruyff Court Ermelino Matarazzo retomou suas atividades no início deste ano. Inscrições foram abertas à crianças e jovens de 7 a 17 anos em situação de vulnerabilidade social. A meta é atender 300 alunos, em aulas-treino de segunda à sexta, em dois períodos, no contra-turno escolar.

Acompanhe as novidades pelas redes sociais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s